Título: Trago Seu Amor De Volta Sem Pedir Nada em Troca
Autor: Ique Carvalho
Ano: 2017
Editora: Sextante
Número de páginas: 240
Skoob: Adicione
Cortesia: Livro cedido pela editora

Sinopse:A vida de Ique Carvalho era tranquila e parecida com a de muitos jovens de Belo Horizonte, sua cidade natal. Ele morava com os pais e os irmãos, era apaixonado pela namorada e trabalhava na agência de publicidade da qual era sócio. Suas impressões sobre o cotidiano iam para o blog The Love Code, onde podia dar vazão ao seu talento para escrever. Até que, em 2013, dois fatos fizeram tudo virar de ponta-cabeça. Na mesma semana, seu namoro teve um fim traumático e o pai recebeu o diagnóstico de uma doença degenerativa grave, que o mataria aos poucos. Sem chão e em meio a um turbilhão, foi no blog que encontrou refúgio para expressar seus sentimentos. Os textos fortes e genuínos acabaram viralizando, popularizando o site e dando a Ique milhares de fãs e seguidores. Suas palavras possuem o incrível dom de ser, ao mesmo tempo, simples e profundamente verdadeiras, traduzindo o que há de mais puro e desejável no amor. Essa mesma capacidade de causar impacto e despertar as emoções dos leitores permeia as reflexões tocantes de Trago seu amor de volta, seu aguardado segundo livro solo. Ique mais uma vez demonstra sua vocação única como cronista do amor em todas as suas expressões.

Do mesmo autor de Faça amor, não faça jogo, Trago seu amor de volta é um compilado de textos escritos por Ique Carvalho, que se referem ao que o próprio título indica: amor. Engana-se, no entanto, aquele que pensa se tratar apenas do amor romântico. O livro, cheio de frases marcantes e com uma diagramação simplesmente linda, traz muito mais do que os clichês que estamos acostumados a ver por aí. Carregado de experiências de vida, o autor coloca em seu livro, reflexões acerca de relacionamentos que deram ou não certo, e de momentos do mais puro amor ao lado de seu pai, aquele que Ique denomina diversas vezes, como sua fonte de inspiração.

“Eu não sei até quando meu pai vai conseguir piscar ou sorrir.
Se for por pouco tempo, tudo bem, a morte faz parte da vida.
Eu só queria que não fizesse. ”

Logo após as páginas de agradecimento, no começo do livro, há a sugestão (em link e QR code) de uma playlist completa, sendo possível, dessa forma, uma maior imersão nos textos e pensamentos do autor. Além dessa opção, cada texto trazia, em seu início, a sugestão de música para ouvir enquanto se lê, assim como nome e intérprete da mesma. Dessa forma, o leitor não perde tempo e embarca com tudo nessa experiência.


“Você é feito da soma dos momentos inesquecíveis que viveu e das pessoas que conheceu. ”

Publicado pela Sextante, o exemplar já nos conquista pela capa, e vai ganhando espaço nas folhas coloridas estrategicamente posicionadas ao final de cada texto, com frases marcantes presentes neles. Mas o que realmente fez a leitura valer, foram os ensinamentos presentes nas histórias vividas por Ique. Já deve ser de conhecimento geral que não sou lá uma grande fã de romances, então definitivamente as vivências e textos que mais me marcaram, sendo que algumas queria até emoldurar, foram aqueles que relatavam, acima de tudo, o amor entre pai e filho. Em alguns relatos, confesso que me emocionei e foi difícil, até impossível às vezes, segurar as lágrimas. Isso, no entanto, não exclui o fato de que diversos textos focados em relacionamentos puramente românticos, não fossem também muito bons. Ique Carvalho tem uma escrita poética e muita fluida, foi difícil não me perder entre as páginas, e sequer vi o tempo passar enquanto lia. Recomendo!

“A virada é apenas uma contagem regressiva.
O que realmente muda a vida
são as escolhas
que você faz todos os dias. ”  






13 Comentários

  1. Oiii Aline

    Realmente o exemplar já conquista pela capa pois achei de super bom gosto desde a escolha das cores até o estilo. Eu li uma resenha desse livro que me deixou bem curiosa e a sua aumentou ainda mais minha curiosidade, porque o autor não se restringe a apenas um tipo de amor, aquele de casais, mas há outros tipos e acho interessante essa abordagem e como ele conduz o tema. Quero ler em algum momento.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Aline!
    Não conhecia o autor e nem o livro, mas fiquei bastante interessada. Amei a diagramação, só em vê-lo, já é um daqueles livros que desejo na estante. A premissa é muito interessante e sua impressão sobre ele, aguçou minha curiosidade. Dica mais que anotada.
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?
    Não conhecia este autora, mas já tinha ouvido falar do outro livro dele Faça amor, não faça jogo. Mesmo não sendo meu gênero de leitura habitual, fiquei interessada na obra, fiquei com a impressão que é um pouco autobiográfico? Enfim, adorei sua resenha e conhecer este novo autor. Dica anotada!
    http://colecionandoromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi.

    Adorei a premissa do livro, adorei sua resenha este livro já entrou para minha listinha literária. Gosto de livros assim, com uma mensagem para que possamos refletir sobre algo.

    www.paginasamais.com

    ResponderExcluir
  5. Oiie, tudo bom??
    Livros que nos fazem repensar muito me deixa muito confusa kkk vou ler por gostar deste tipo de livro, mesmo que me deixe viajando em pensamentos. Amei, bjs ^^

    ResponderExcluir
  6. Olá :D

    Nunca li nada do autor, mas a premissa parece ser bem interessante e diferente. Parabéns pela resenha :)

    bjos :*

    ResponderExcluir
  7. Olá, como vai?
    Já tinha visto esse livro por aí, só que ele não tinha me chamado a atenção. Sua resenha, muito bem escrita - só para registrar, mudou isso. Já estou anotando o nome dele aqui por que já quero/sou/preciso. rs. Parabéns pela excelente resenha! Boas leituras para nós esse ano. Um beijo.

    ResponderExcluir
  8. Oi Aline, sua linda tudo bem?
    Ah, pronto, começou a falar do pai e ainda mais citando o quanto nosso tempo com aqueles que amamos é curto, que já me emocionei. É tão difícil aceitar a perda. Parece ser um livro muito lindo. Não tenho o costume de ler esse gênero, mas esse vale a pena. Adorei sua resenha.
    beijinhos.
    cila.
    https://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi,
    Essa capa realmente nos conquista. E o que falar de um livro que fala de amor? Não tem como não querer ler. Também concordo, que nós somos o resultado das experiências que vivemos e das pessoas que passaram por nossa vida. Vou colocar na lista. Parabéns pela resenha.
    Bjs.
    Pri.
    http://nastuaspaginas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá Aline, ainda não tive a chance de ler nada do autora, mas pelos seus comentários esse livro parece ser bem bacana e com algumas reflexões legais sobre o amor *-*

    ResponderExcluir
  11. Oi.
    Não conhecia o livro ou o autor, mas parece ser uma leitura. Está bem fora da minha zona de conforto, mas ultimamente os livros que mais tenho gostados estão bem longe dela mesmo...
    Adorei a dica.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Oi Aline! Tudo bem?
    Não conecia esse livro e nem mesmo tinha ouvido falar nesse autor ainda tão jovem e já passando por tudo isso! Imagino que deve ser uma leitura linda de se fazer e ceia de reflexões sobre a vida e os sentimentos. Achei ótimo que a leitura realmente te cativou, ^^.
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://www.galaxiadeideias.com/
    http://osvampirosportenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Legal saber que apesar do titulo, que logo que li, imaginei uma comedia romântica, seja de reflexões, seria um livro que daria uma chance. Sua resenha também foi bem clara, colocando no Skoob...rsrs

    Beijos

    Viviana

    ResponderExcluir