Título: O Clã dos Quatro Guerreiros-série Enoua#1
Autor: Diego Martins Ribeiro
Ano de publicação: 2014
Editora: Novo Século
Número de Páginas: 392
Skoob: Adicione

Sinopse:O Clã dos Quatro Guerreiros - Quatro jovens com aparentemente muito pouco em comum seguem em um antigo carro vermelho-sangue por uma estrada deserta. Nada indica que qualquer tipo de perigo possa estar em seu caminho naquela pacata noite. No entanto, após se depararem com uma esfera de luz e sofrerem um estranho acidente, Gabriel, Henrique, Débora e Beatriz acordam em um lugar desconhecido, onde tudo parece possível. Em meio a personagens e paisagens surreais, como o monte de rochas flutuantes e a perigosa fera da Gruta Sombria, eles encontram pistas de como podem voltar para casa, e se assombram com as coincidências que envolvem sua chegada a Enoua, como se essa já fosse esperada por alguém misterioso. Em uma incrível jornada que os fará conhecer mais sobre si próprios e aqueles que sempre estiveram a sua volta, eles irão descobrir que Enoua não é simplesmente um mundo distante, e que é preciso muito mais do que armas raras, amuletos cheios de segredos e armaduras indestrutíveis para se tornar um verdadeiro Guerreiro.



Oiiii, tudo bem? Espero que sim. 

Hoje vou falar de um livro que me conquistou pela capa e me surpreendeu mais ainda pelo conteúdo. O Clã dos Quatro Guerreiros, do brasileiro Diego Martins Ribeiro. Já adianto que é uma fantasia super gostosa e viciante.

Gabriel é um jovem comum de 18 anos que mora com a família. Um dia a sua vizinha Beatriz, que não é sua amiga, e sim irmã do seu ex melhor amigo Henrique. ( hoje em dia Gabriel e Henrique mal se falam). Faz-lhe um pedido, pede para Gabriel levar seu irmão ao trabalho,pede uma carona por ter havido um probleminha em casa.  Gabriel aceita e pede o carro emprestado para seu pai.

 Na hora de partir, ao invés de ir só Gabriel e Henrique. Beatriz e sua amiga Débora também pegam uma carona com eles. Quatros jovens distintos e distantes, exceto Beatriz e Henrique que são  irmãos e Beatriz com Débora, que são amigas. O trajeto não estava sendo muito agradável, Henrique o tempo todo sério e Gabriel sem graça. Mas enquanto eles seguem pela estrada que estava deserta, aparece uma luz lilás, assustando-os e causando um acidente quando Gabriel tenta desvia-se.



 Quando estes quatros jovens acordam, estão em um local desconhecido, com roupas diferentes. E enquanto investigam o que está acontecendo são “atacados” por espíritos. Daí em diante, eles não são mais os mesmos. Vão descobrir coisas que eles nunca imaginaram ser real. Como estar em outro mundo. Aí começa as dúvidas, questionamentos. Mas como? Estão loucos? Mortos? Eles pensam em várias possibilidades. Mas a partir do momento que eles começam a procurar por resposta, descobrem que estão em ENOUA, um lugar surpreendente cheio de mistérios, perigo e muito aprendizado, e que através da sua coragem, e força de vontade, eles podem encontrar o caminho de volta para casa.


“A impressão que Henrique tinha era a de que por onde Gabriel, Beatriz, Débora e ele passavam naquele mundo, tudo se alterava.” (pág. 143)





Eu simplesmente amei esta história, o mundo de Enoua, os personagens, tudo. Achei super criativo e interessante a ideia dos costumes, de como as pessoas, os seres de Enoua vivem, um mundo repleto de coisas mágicas, guerreiros,  robôs, segredos, criaturas incríveis. Infelizmente não posso entrar em detalhe, porque perderia toda a graça, pois vocês encontrarão coisas maravilhosas e interessantíssima neste livro. E os quatros, Gabriel, Henrique, Débora e Beatriz, foram muito bem caracterizados, cada um com uma personalidade marcante e forte, que só contribui durante esta jornada de descoberta e aprendizagem. 




Neste mundo, precisa de coragem para enfrentar as coisas que irão acontecer, e a que mais se retrai e tenta se afastar do seu destino é a Débora, ela demonstra muito medo no inicio, mas com o tempo ela vai testando seus limites.  A Beatriz já é bem destemida e se joga de verdade, eu me diverti muito com ela. Gabriel é super esforçado e amigo, e vai aproveitar esta oportunidade para mostrar seu valor. Henrique é prudente e inteligente, mas sabe se render quando está errado.

O Clã dos Quatro Guerreiros é um livro delicioso,narrado em terceira pessoa, e que você devora rapidinho, pois a cada capítulo você quer saber o que acontece a estes jovens, que surpresa  os aguardam, fora que vai aparecer outros personagens incríveis, um deles, eu me apaixonei e quero para mim. Wil <3 



O livro tem uma capa linda, letras grandes (amei), folhas amarelas e capítulos curtos. Gostei muito da edição.





Para quem gosta de fantasia, ou quer entrar neste mundo mágico, O Clã dos Quatro Guerreiros é uma ótima dica. Fala de amizade, coragem, confiança e da força do trabalho em equipe.  E para quem quer começar a ler, ou até mesmo você que quer incentivar alguém a começar a ter o hábito de leitura, super recomendo também, tem uma escrita fácil e ágil. Um livro para todos.




Então é isso, pessoal. Espero que vocês também possam conhecer Enoua e seus mistérios, e viajar com estes corajosos guerreiros.

Beijoooo.




7 Comentários

  1. É engraçado que quando vemos algumas, não só uma, resenha dos livros, nossa opinião se forma melhor. As primeiras resenhas que havia lido do livro não me despertaram tanto interesse, mas hoje, talvez tenha lido com outra perspectiva, consegui gostar muito do enredo, ou talvez foram as palavras que você usou para apresentar a obra, o que me cativou bastante. Se eu for para Bienal do Rio este ano, eu compro :D

    ResponderExcluir
  2. Ana, eu já tinha lido outras resenhas sobre esse livro, mas não havia sentido nenhuma vontade de ler. Concordo com Lilian, como a nossa perspetiva pode mudar de uma resenha para outra. Eu adoro uma boa fantasia e sim irei anotar esse livro para uma próxima compra.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oie!
    Eu sou fã de fantasia assumida, então acho que sou meio suspeita pra falar que curti. Quase tudo desse gênero me agrada hahaha
    Bacana mesmo! O que eu mais gosto de ver esse tipo de história escrita por alguém daqui, é que é muito mais fácil de se envolver. Se eu vejo nomes como Gabriel e Beatriz, já é meio caminho andado pra eu sentir que essa história está bem perto de mim. Claro que se o livro for bom, a gente se envolve mesmo que os personagens sejam espigas de milho, mas acho que assim fica mais fácil.
    Fiquei com vontade de ler! Será que o autor faz parceria? Sério, senti firmeza :)
    Obs: Essa capa e as letras grandes me pegaram também. Amo livro bonito e confortável.

    Beijos, Amanda!
    Expresso de Nárnia

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem? Não conhecia esse autor, nem esse livro. A capa é lindíssima (sou a louca das capas haha). Bem, confesso que essa coisa de algo acontecer "do nada" e os personagens serem jogados em outro lugar me deu uma má impressão. Não gosto muito de coisas assim. Mesmo em Harry Potter, quando ele descobre ser bruxo, há bastante esclarecimento quanto à situação dele. Apesar de também ser algo que ocorre "do nada" na trama, não é simplesmente largado ali sem explicações. Mas, enfim, saber que há toda uma lição sobre amizade me deixou curiosa. Fiquei pensando que, já que os personagens são "estranhos" uns para os outros, seria muito interessante ler o desenrolar dessa situação entre eles. Fiquei muito a fim de conferir o livro <3 E adorei a dedicatória do autor, aliás!

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Oie, tudo bom?
    Ainda não conhecia o livro, mas achei a premissa misteriosa e instigante. Não sou leitora assídua de fantasias, mas essa história me deixou curiosa com o que acontece com eles. Gostaria de entender o motivo para ter acontecido isso e outros detalhes, mas isso obviamente só vira com a leitura.
    Gostei da indicação.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oiee
    O livro é novidade pra mim e como você amei essa capa.
    A história me lembrou um pouco Caverna do Dragão, como sou apaixonada pelo desenho fiquei interessada no livro, alguns pontos abordados na resenha me deixaram curiosa... livro na lista ;)

    Coração Leitor

    ResponderExcluir
  7. Oi Ana... não conhecia esse livro, mas gostei muito do que disse sobre ele, vou procurar mais sobre a historia. Muito legal esse desenvolvimento dos autores nacionais, uma droga que eles nao sao valorizados como deveria.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir